qui., 18 de jun. | Google Meet

2º FÓRUM DA ECONOMIA DA FUNCIONALIDADE E DA COOPERAÇÃO 2020

Faça sua inscrição no link RSVP
A inscrição está fechada
2º FÓRUM DA ECONOMIA DA FUNCIONALIDADE E DA COOPERAÇÃO 2020

Horário e local

18 de jun. de 2020 17:00
Google Meet

Sobre o evento

Queridos amigos 

O Clube EFC Rio, em parceria com o Instituto ATEMIS de Belo Horizonte,  convidam vocês para o 2° Fórum da EFC 2020, que acontecerá no dia 18 de junho às 17h, com o tema “Bem Viver Alimentar acessível a todos”.

Para debater a temática teremos a participação de Thiago Nasser, cofundador da Junta Local, uma comunidade que reúne pequenos produtos dedicados à comida justa e local. 

Teremos ainda a participação do Prof. Francisco Duarte, diretor do Clube EFC Rio e coordenador do Programa de Engenharia de Produção da COPPE/UFRJ, e do Prof. Francisco Lima, professor da Escola de Engenharia da UFMG e coordenador do Núcleo Alter-Nativas.

Para confirmar sua participação, convidamos a se inscreverem no link RSVP logo abaixo. O evento será online e o link da transmissão será enviado aos inscritos.

Caso possuam dúvidas ou solicitações acerca do evento, encaminhar para clubeefcrio@gmail.com.

Fique ligado no Clube EFC Rio através de nossas redes sociais e também do nosso site.

Até breve!

Sobre o Fórum EFC:

O Fórum da EFC é um evento aberto a todos, com o objetivo de promover o debate em temas emergentes, relacionados ao desenvolvimento territorial sustentável para superar os limites do modelo industrial baseado na produção em massa. Cada Fórum possui uma temática específica, onde as propostas de desenvolvimento são discutidas sempre por meio da apresentação de casos reais, cujos modelos econômicos buscam, ou podem, transitar em direção à EFC.

O evento tem como público potencial dirigentes de empresas industriais ou de serviços; outros tipos de organização (entidades civis, coletivos, iniciativas de base comunitária, redes produtivas); agentes territoriais de organizações intermediadoras; pesquisadores de diversas áreas do conhecimento; assim como cidadãos interessados em discutir alternativas de desenvolvimento para as cidades brasileiras e para o país como um todo. Essa ampla participação se deve ao fato de que a abordagem da EFC, baseada na inovação servicial, é aplicável a toda empresa industrial ou de serviços, qualquer que seja seu domínio de atividade e seu estatuto. Para tanto, o Fórum da EFC pode interessar dirigentes de empresas que desejem avançar na solução de problemas tais como:

● A necessidade de redefinir a estratégia da empresa face aos impasses do seu modelo de desenvolvimento (saturação de mercado, crescimento da concorrência);

● Problemática ligada a recursos (acesso a matéria prima, dificuldades de deslocamento nas cidades) e problemas de gestão de resíduos;

● Vontade de ampliar a abordagem da economia circular já utilizada, notadamente pela integração da evolução dos modos de vida da região ou do trabalho nas empresas;

● A necessidade de responder à aspiração de novos modos de consumo mais saudáveis, com mais qualidade e ecológicos, por exemplo, na produção de alimentos orgânicos;

● As dificuldades de mobilização dos trabalhadores por parte dos dirigentes e de lidar com tensões e conflitos que geram os riscos psicossociais.

Os Fóruns permitem a aproximação e o intercâmbio entre universidade e setores produtivos, por meio de uma abordagem econômica e sistêmica, visando à produção de novos conhecimentos, inovação e desenvolvimento econômico sustentável, criando um espaço aberto para debates. Seu objetivo principal é ampliar o debate sobre modelos de desenvolvimento econômico, difundindo conceitos e princípios da EFC e rompendo com paradigmas e estruturas consolidadas no modelo econômico adotado majoritariamente pelas empresas brasileiras.

Compartilhe este evento